Bruno Raposo Ferreira

Bruno Raposo Ferreira é licenciado em Psicologia Aplicada, área de Clínica, pelo ISPA, e membro efectivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses, especialista em Psicologia Clínica e da Saúde e especialista em Intervenção Precoce.

Psicanalista em formação, no Instituto de Psicanálise da Sociedade Portuguesa de Psicanálise (SPP).

Mestre em Psicanálise do Adolescente pela Società Italiana di Psicoanalisi della Relazione (SIPre) e PhD Student em Psicologia do Desenvolvimento William James Research Center of Research do ISPA-IU.

Desenvolve actividade de psicologia cerca de 20 anos, acumulando experiência nacional e internacional com crianças, adolescentes e adultos.

Actualmente, exerce actividade de psicologia clínica, psicoterapia e psicanálise em consultório privado com crianças, adolescentes e adultos.

Foi docente  universitário, como Assistente, no ISPA-IU entre 2007 e 2018. Lecionou  unidades curriculares na área do desenvolvimento socioemocional de crianças e adolescentes, métodos de investigação e desde 2012 foi docente da unidade curricular de Psicopatologogia do Desenvolvimento. Teve outras experiências de docência universitária noutras instituições (ex. ISCTE)

Foi investigador no Centro de Estudos da Criança e da Família no ISPA-IU, no âmbito da parentalidade e avaliação de programas de prevenção e promoção do desenvolvimento. Foi membro da equipa da Clínica ISPA.

Trabalhou e desempenhou funções de psicologia clínico em diversos contextos institucionais públicos (Centros de Saúde, Hospitais, Departamentos de Neuropediatria, Serviços para Adolescentes, Escolas) e privados (IPSS, CPCJ, Associações, etc.). Teve  experiências profissionais como psicólogo na área das toxicodependencias, prevenção para a saúde, prevenção da saúde mental, promoção do desenvolvimento e aconselhamento parental.

No contexto do consultório e encontros de grupo pais, ajuda pais e bebés a estabelecer interacções suaves, comunicações adequadas e positivas que promovem o crescimento e o estabelecimento de relações saudáveis, num trabalho de parceria que suporta a observação, interacção e compreensão dos comportamentos afectivos dos bebés e a reflexão sobre as vivências parentais.

Para além de Português, realiza consultas em Inglês e Italiano.